Blog

Valorização do Colaborador e as ações da AsQ em Gestão de Pessoas.

Publicado em:
Cláudia Conserva, Diretora de Gente e Gestão da AsQ

Índice

Um ambiente de trabalho saudável de reconhecimento e valorização do colaborador é uma vitrine para empresas atraírem e reterem talentos. Muitas dessas estratégias são pensadas e colocadas em prática pelo setor de Recursos Humanos ou Gestão de Pessoas.

Conversamos com Cláudia Conserva, Diretora de Gente e Gestão da AsQ, sobre as mudanças nas relações de trabalho,  o olhar das empresas para a valorização do colaborador, as ações da AsQ na gestão de pessoas e como o setor de RH mudou nos últimos anos.

Cláudia, antes de falarmos do nosso tema principal que é a valorização do colaborador, a gestão de talentos, nos explique um pouco como o setor de recursos humanos mudou nesses últimos anos?

Sim, o RH mudou bastante, vem vivendo uma transformação assim como outros setores. Mas o principal fator que temos agora é a tecnologia a favor do RH, o People Analytics é uma realidade que ajuda muito a todas as outras ações da gestão de pessoas.  Então quando falamos  em engajar, em clima, quando eu tenho informação e dados bem estruturados, quando eu conheço o perfil de cada colaborador e portanto o perfil desse conjunto de pessoas que trabalham juntas, isso nos dá insumo para estruturar ações que sejam para esse público específico. Então essa pra mim é a grande revolução do RH.

Cláudia, em muitas oportunidades, as empresas preferem promover seus colaboradores a contratar pessoas de fora. Como identificar um talento?
É muito comum as empresas optarem por promover os colaboradores, isso traz muitas vantagens. Primeiro que você tem uma pessoa que já está inserida nos valores e cultura da empresa. Isso também gera mais confiança, um melhor clima entre as pessoas, a equipe sente que está em um lugar que tem oportunidade de crescimento, então isso é muito saudável nas relações trabalhistas. O líder com o suporte da Gestão de Pessoas, consegue identificar aquele colaborador que já tem um potencial, essa identificação é baseada nas entregas, no relacionamento dele com a equipe e outras áreas, na disponibilidade para aprender coisas novas e aceitar desafios.

Cláudia, a partir desse talento reconhecido qual o caminho que ele deve percorrer para desenvolver suas habilidades e novas responsabilidades ou competências?

As pessoas são promovidas quando elas já têm 50% da capacidade de entrega do cargo acima, mas quando ele ocupar o cargo, será exigido 100%.

Então é a hora de intensificar o desenvolvimento dessas habilidades, com muito estudo, um mentor que já vivenciou essa experiência, que está na área e seja de confiança, com feedbacks permanentes dos superiores, é a hora de se lançar integralmente a esse desafio. É muito comum quando as pessoas são promovidas acharem que ali elas chegaram onde queriam e ponto. Mas não, ao ser promovido é que começa o trabalho de desenvolvimento e entrega plena no novo cargo, então é muita dedicação , muitas vezes um processo de coaching ajuda a acelerar este desenvolvimento.

Cláudia, como promover um espaço saudável, de escuta, e que de fato esteja atento a saúde emocional do colaborador?

A questão da saúde emocional ela nunca foi tão falada quanto agora, porque as pessoas se permitiram falar do tema. E a empresa é sim um espaço para que isso seja identificado, se a pessoa está passando por uma questão de saúde emocional ou mental. E isso só é possível se tiver espaço de escuta. A empresa que hoje tem um ambiente saudável é uma empresa onde a pessoa possa dizer que não está bem, e ter ajuda para ela poder se cuidar. E necessariamente esse problema não precisa estar relacionado ao trabalho, ela pode ter outros motivos, independente de ser causado pela empresa ou não a pessoa precisa de suporte.

O trabalho é muito importante na vida de uma pessoas, pois somos seres integrais. Essa escuta por parte da empresa, traz mais segurança e pode ajudar no processo mais rápido de cura. E o jeito de promover esse espaço saudável é  a proximidade dos líderes, do RH, é a empresa ter um programa de saúde aderente com a realidade daqueles colaboradores.

Então a empresa que conversa, escuta, entende o ambiente e a atividade que a pessoa exerce. Nesse ponto o líder tem um papel fundamental, pois é a escuta ativa do líder para promover esse espaço saudável que esteja atento à saúde emocional do colaborador. Identificado o problema, a empresa precisa agir, ela pode estruturar dentro de seus programas de saúde e bem estar do colaborador várias ações.

Entre essas ações, estão as rodas de conversas, de sensibilização, a própria telemedicina apoiando através da TelePsico, que é um programa da AsQ, trazer pessoas de fora para treinamento, ginástica laboral, mindfulness, yoga, o desenho desse programa será de acordo com as possibilidades que a empresa possa promover.

 

Valorização do colaborador nas ações da AsQ

Cláudia, para atrair ou reter talentos, muitas empresas buscam participar de inciativas globais de reconhecimento, como os ODS, ISOS e mais recentemente o GPTW. O Great Place to Work é uma consultoria global que apoia organizações a obterem melhores resultados por meio de uma cultura de confiança, alto desempenho e inovação. A AsQ detém o selo GPTW e participa dos ODS. Como você entende a importância dessas iniciativas e qual a avaliação você faz sobre o impacto desses movimentos no ambiente de trabalho?

A AsQ está entre as melhores empresas para se trabalhar em Santa Catarina, e somos certificados GPTW com uma nota muito boa. Esse é um reconhecimento externo, o fato da GPTW que é uma empresa que tem essa habilidade e expertise de identificar as empresas que são saudáveis para seus colaboradores, isso chancela as nossas ações e a nossa forma de atuar. E mostra a nossa valorização do colaborador.

O impacto disso no ambiente de trabalho é exatamente desse orgulho de pertencimento. Uma vez que eu sei que a empresa que eu trabalho tem um selo GPTW, os colaboradores se sentem em um lugar de credibilidade e confiança nas ações que a empresa faz. O pensamento do colaborador é que, a AsQ cuida da sua saúde, do seu bem-estar, que ele tem um plano de carreira, é uma empresa onde o funcionário quer permanecer mais tempo.

Os ODS eu vejo como um compromisso da empresa em relação a um mundo melhor. A AsQ é associada à ODS Santa Catarina, sendo um apoiador oficial. Isso mostra a preocupação da AsQ como uma empresa que cuida do meio ambiente e se preocupa com as pessoas. A AsQ jamais vai fazer uma ação que possa trazer um prejuízo para a sociedade, e ser um apoiador da ODS é uma garantia disso. Somos também associados ao Instituto Ethos. 
Cláudia, além disso, o que você acredita que são fatores de valorização do colaborador? Feedback bem estruturado? Benefícios? Estímulo ao aprendizado? Relação de Confiança?

Sim, todos esses fatores contribuem para a valorização do colaborador. Quando o líder dá um feedback bem estruturado, ele está dando a oportunidade do colaborador entender o que a empresa espera dele. Então ele tem um guia sobre o que é bom ele continuar fazendo e sobre o que ele precisa melhorar.

A AsQ oferece o auxílio educação, a gente paga 50% de cursos de graduação, pós-graduação e mestrado. Tanto isso é um incentivo para que a pessoa estude, mas nossa preocupação também é ser um ambiente de aprendizado. Um exemplo são as reuniões entre as diversas áreas, o colaborador está aprendendo, ou até mesmo na sua equipe, a pessoa tem a possibilidade de construir um novo processo ou sugerir alguma melhoria.

A gente instiga para que as pessoas façam isso, pois precisamos da contribuição de todos. As relações de confiança geram uma tranquilidade, a possibilidade de errar, de inovar, de fazer diferente. Tudo isso faz com que as pessoas se sintam mais valorizadas nesse ambiente.

Compartilhe esse post!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no skype
Compartilhar no reddit
Compartilhar no pinterest

Assine nossa

Newsletter!

Veja os

Destaques

A enfermagem no cuidado integral à saúde
A enfermagem no cuidado integral à saúde
Cláudia Conserva, Diretora de Gente e Gestão da AsQ
Valorização do Colaborador e as ações da AsQ em Gestão de Pessoas.
AsQ Talks 01- A fórmula do sucesso do Grupo Boticário na gestão de saúde do colaborador
Grupo Boticário na gestão de saúde do colaborador - AsQ Talks 01

Siga-nos nas

Redes!